Laboratório de Toxinologia - LATOX

Nossa principal linha de pesquisa envolve o estudo da imunidade natural de mamíferos e répteis a venenos de serpentes, com ênfase na caracterização molecular dos mecanismos envolvidos no fenômeno da resistência. Neste contexto, as técnicas de cross-linking e troca de hidrogênio/deutério associadas à espectrometria de massas de alta resolução têm sido empregadas em estudos estruturais de inibidores naturais de toxinas de venenos de serpentes e seus complexos com as toxinas-alvo (i.e., metalopeptidases e miotoxinas com estrutura de PLA2). Estas toxinas são características de venenos botrópicos e apresentam alta relevância nos processos fisiopatológicos produzidos nos envenenamentos por estas serpentes. Ainda no campo da Toxinologia, desenvolvemos projetos em (imuno)proteômica de venenos de serpentes utilizando fundamentalmente, mas não exclusivamente, a abordagem shotgun.

Em colaboração com diversos grupos de pesquisa do Brasil, empregamos técnicas proteômicas e metodologias tradicionais de Química de Proteínas, Biologia Molecular e Biologia Estrutural em estudos bioquímicos sobre doenças parasitárias (ex.: angiostrongilíase, doença de Chagas e leishmaniose), virais (ex.: dengue, zika e chikungunya) e neoplásicas (ex.: câncer de mama), além de projetos de cunho biotecnológico (ex.: biorremediação e produção de proteínas recombinantes de uso terapêutico).

Em colaboração com o grupo de espectrometria de massas computacional do Instituto Carlos Chagas da Fiocruz do Paraná, participamos do desenvolvimento de ferramentas computacionais para análise de dados proteômicos em grande escala gerados por espectrometria de massas.

Nosso laboratório, por conta da sua competência e da infraestrutura instalada, abriga ainda duas plataformas tecnológicas multiusuários (“Eletroforese 2D e Fracionamento” e “Espectrometria de Massas”), financiadas conjuntamente pelo Instituto Oswaldo Cruz e pela Fiocruz, através da Vice-Presidência de Pesquisa e Laboratórios de Referência e que atendem não só a grupos de pesquisa da Fiocruz, mas também a grupos externos à instituição.


Workshop de Proteômica

The Sao Paulo School of Advanced Science on Mass Spectrometry-based Proteomics (SPSAS-MS)


logo Science Direct

Clique no link e conheça o mais recente trabalho do nosso grupo.