Laboratório de Toxinologia


LatoxHistórico do Laboratório

O antigo Laboratório de Fisiologia foi organizado em 1919 pelo Dr. Miguel Ozório de Almeida, a convite do Dr. Carlos Chagas, então diretor do Instituto Oswaldo Cruz. Posteriormente, passou a ser denominado Divisão de Fisiologia e, mais tarde, Divisão de Fisiologia e Farmacodinâmica.

Em 1970-71, deixou de fazer parte do organograma da Instituição por motivos políticos ligados ao golpe de 1964. Haity Moussatché, que começou a trabalhar no Instituto Oswaldo Cruz no início dos anos 30, logo depois de se formar em Medicina pela Universidade do Brasil (atual UFRJ), foi cassado pelo governo militar por ocasião da desativação do laboratório, indo trabalhar na recém-criada Universidade Centro-Occidental Lisandro Alvarado, na Venezuela.

Em meados de 1985, convidado por Carlos M. Morel, Vice-Presidente da Fiocruz durante a gestão de Sérgio Arouca, Haity Moussatché, em colaboração com Tito Cavalcanti e Renato S.B. Cordeiro, iniciaram o processo de reativação da Divisão de Fisiologia e Farmacodinâmica, agora denominada Departamento de Fisiologia e Farmacodinâmica, composto basicamente pelos Laboratórios de Inflamação e Toxinologia.

A volta definitiva de Haity Moussatché ao Brasil se deu em 1987, vindo também Jonas Perales, antigo colaborador na Universidade Centro-Occidental, Venezuela. Ambos coordenaram a instalação do Laboratório de Toxinologia.

LatoxInfra-estrutura

O Laboratório de Toxinologia está localizado no Pavilhão Ozório de Almeida do Instituto Oswaldo Cruz, Fiocruz e é um dos mais bem estruturados laboratórios de proteômica do Brasil, dotado de um corpo técnico científico qualificado para realização de técnicas proteômicas de fracionamento, caracterização e identificação de proteínas.

A infra-estrutura de equipamentos inclui vários sistemas de eletroforese uni- e bidimensional, sistema 3100 OFFGEL Fractionator, densitômetro e scanner de fluorescência Typhoon Trio (GE Healthcare), equipamentos para western blotting, espectrofotômetros (incluindo nanodrop), cromatógrafos líquidos de alta performance (Akta, Ettan, Shimadzu, Thermo e sistemas nanoflow Eksigent e Proxeon), sistemas concentradores a vácuo (Speed Vac), liofilizador, sequenciador automático de proteínas (Shimadzu PPSQ 23A), sistema para empacotamento de colunas cromatográficas capilares, equipamento laser puller (Sutter) para confecção das pontas das colunas capilares e espectrômetros de massas MALDI-TOF-TOF (5800 ABI) e nLC-ESI-LTQ Orbitrap XL com ETD (Thermo).

Galeria do laboratório


equipamento do laboratório - latox equipamento do laboratório - latox equipamento do laboratório - latox equipamento do laboratório - latox equipamento do laboratório - latox equipamento do laboratório - latox equipamento do laboratório - latox equipamento do laboratório - latox